PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Sánchez diz que Brasil decidiu futuro, mas não parabeniza Bolsonaro

28/10/2018 21h59

Madri, 29 out (EFE).- O presidente do Governo da Espanha, Pedro Sánchez, afirmou neste domingo que o Brasil "decidiu o seu futuro para os próximos anos", mas não parabenizou Jair Bolsonaro pela vitória no segundo turno das eleições presidenciais.

"O povo brasileiro decidiu o seu futuro para os próximos anos. Os desafios serão enormes. #Brasil sempre contará com a Espanha para conseguir uma América Latina mais igualitária e mais justa, a esperança que há de iluminar as decisões de qualquer governante", publicou o governante no Twitter pouco depois do anúncio do resultado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com a vitória garantida, Bolsonaro, do PSL, lidera a apuração, que está 99,97% concluída, com 55,14% dos votos. Fernando Haddad, do PT, tem 44,86%.

Internacional