PUBLICIDADE
Topo

Alberto Fernández felicita Castillo como "presidente eleito" do Peru

11/06/2021 05h15

Buenos Aires, 10 jun (EFE).- O presidente da Argentina, Alberto Fernández, revelou nesta quinta-feira que conversou com o peruano Pedro Castillo, a quem definiu como "presidente eleito", apesar de a apuração ainda não ter terminado, e expressou seu desejo de unir esforços a favor da América Latina.

"Hoje me comuniquei com @PedroCastilloTe, presidente eleito do Peru. Expressei meu desejo de unir forças em favor da América Latina. Somos nações profundamente irmanadas. Celebro que o querido povo peruano enfrente o futuro em democracia e com força institucional", escreveu Fernández no Twitter.

De acordo com o Escritório Nacional de Processos Eleitorais, quando falta apurar apenas 0,97% dos votos, o esquerdista Castillo continua liderando a corrida eleitoral no Peru, com uma vantagem de 71.441 votos sobre sua rival, Keiko Fujimori.

O último relatório indica que Castillo recebeu 50,204% dos votos (8.791.778 sufrágios válidos), enquanto a conservadora Fujimori obteve 49,796% (8.663.684).

Com este resultado, é praticamente impossível que Fujimori, que denunciou a existência de aparentes irregularidades para pedir a recontagem de algumas atas eleitorais, possa conseguir uma virada, salvo por uma anomalia estatística.

Já nesta quarta-feira Fernández havia se referido a Castillo em uma coletiva de imprensa em Buenos Aires ao lado do presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez.

"Não tive a oportunidade de falar com quem aparentemente foi eleito, mas se isso for confirmado, eu ligarei para ele hoje. Tenho todo o desejo de trabalharmos juntos e somarmos forças em favor da América Latina", disse ontem o presidente argentino.

"O Peru é um povo que amamos muito e se o presidente Castillo for eleito, espero ligar hoje para parabenizá-lo e saudá-lo, e me colocar à sua disposição para trabalhar com ele", reiterou.