Furacão Otto se aproxima de Costa Rica e Nicarágua e força retiradas em massa

Por Ivan Castro

BLUEFIELDS, Nicarágua (Reuters) - O furacão Otto seguia em direção ao litoral de Costa Rica e Nicarágua nesta quinta-feira, provocando retiradas de moradores e turistas em comunidades no leste dos países e levando milhares de pessoas a se preparar para a tempestade que deve chegar posteriormente nesta quinta-feira.

Às 13h (horário de Brasília), o furacão estava a 121 quilômetros ao norte-noroeste da cidade costarriquenha de Limon, com ventos de 177 quilômetros por hora, de acordo com o Centro Nacional de Furacões os Estados Unidos (NHC).

A tempestade seguia a cerca de 13 quilômetros por hora, de acordo com o centro, e deve atingir algum lugar entre as costas leste do Nicarágua e da Costa Rica mais tarde nesta quinta.

Em Bluefields, cidade costeira no sudeste do Nicarágua, a chuva teve início na manhã desta quinta-feira. Na noite de quarta-feira, autoridades locais já haviam retirado 600 pessoas, com planos de levar mais 7 mil para abrigos.

Nas Ilhas do Milho, que ficam de frente para Bluefields e são populares entre turistas, 1.400 pessoas foram levadas para abrigos e outras mil foram levadas para Punta Gorda, que fica no sul de Bluesfields, disseram serviços de emergência locais.

Autoridades governamentais disseram que algumas pessoas na costa do país se negaram a sair, mas as autoridades se negaram a dizer o número exato.

Segundo o NHC, o furacão Otto pode se fortalecer antes de atingir solo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos