Vídeo mostra suspeito de ataque de Berlim em Lyon, diz fonte judicial

PARIS (Reuters) - O tunisiano suspeito de ter realizado o ataque com caminhão que matou 12 pessoas em uma feira de Natal em Berlim na semana passada parece ter passado por Lyon, na França, enquanto fugia para a Itália, disse uma fonte judicial francesa nesta segunda-feira.

Um vídeo de uma câmera de segurança mostrou Anis Amri na estação de trem de Lyon-Part-Dieu na quinta-feira, e autoridades acreditam que ele comprou uma passagem para Chambery, disse a fonte, entre Lyon e a fronteira com a Itália.

Amri foi baleado e morto próximo a Milão, na Itália, na madrugada de sexta-feira, após ter apontado uma arma para policiais que pediram que mostrasse seus documentos.

Autoridades francesas estão investigando como ele chegou a Lyon após o ataque em Berlim em 19 de dezembro, que foi assumido pelo Estado Islâmico.

(Por Simon Carraud)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos