Indiana Snapdeal desiste de venda para a Flipkart em revés para o SoftBank

MUMBAI/BENGALORE (Reuters) - A indiana Snapdeal disse que decidiu seguir independente e encerrou todas as negociações sobre venda, revelando meses de discussão em torno de uma possível aquisição da empresa de comércio eletrônico pela Flipkart, sua maior rival.

O fracasso em firmar um acordo é um retrocesso para o SoftBank Group, o maior investidor da Snapdeal, uma vez que a empresa japonesa vem tentado criar uma transação de todas as ações há meses, como meio de garantir uma participação considerável na Flipkart, o maior ator do comércio eletrônico da Índia.

A decisão também coloca a gigante de comércio eletrônico Amazon.com com uma presença mais forte na Índia, pois, por enquanto, priva a Flipkart de uma injeção de capital do SoftBank, que se esperava que viesse em paralelo ao acordo.

O conselho da Jasper Infotech, que administra a Snapdeal, concordou em princípio com a oferta de compra revisada da Flipkart de até 950 milhões de dólares e o acordo dependia da aprovação de acionistas minoritários, informou a Reuters na semana passada.

Mas os obstáculos permaneceram e, segundo fontes, os fundadores Kunal Bahl e Rohit Bansal estavam considerando um caminho alternativo.

"A empresa decidiu seguir um caminho independente e está encerrando todas as discussões estratégicas como resultado", declarou a Snapdeal nesta segunda-feira, acrescentando que conseguirá se sustentar financeiramente com a venda de certos ativos não fundamentais.

(Por Sankalp Phartiyal e Nivedita Bhattacharjee)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos