PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump diz que pode cancelar reunião com Putin no G20 devido a conflito na Ucrânia

16.jul.2018 - Trump e Putin em cúpula bilateral em Helsinque, na Finlândia - REUTERS/Kevin Lamarque
16.jul.2018 - Trump e Putin em cúpula bilateral em Helsinque, na Finlândia Imagem: REUTERS/Kevin Lamarque

28/11/2018 07h27Atualizada em 28/11/2018 10h34

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na última terça-feira (27) que pode cancelar a reunião marcada com o presidente russo, Vladimir Putin, na cúpula do G20 na Argentina devido ao embate marítimo entre Rússia e Ucrânia no fim de semana.

Em uma entrevista ao Washington Post, Trump disse que estava aguardando um "relatório completo" de sua equipe de segurança nacional na noite de terça-feira sobre a captura de três navios da Marinha ucraniana e suas tripulantes pela Rússia no domingo.

Leia mais:

"Isso será muito determinante", disse Trump ao Post. "Talvez eu não tenha a reunião. Talvez eu nem sequer tenha a reunião... Eu não gosto dessa agressão. Eu não quero essa agressão", disse.

Trump tem reunião prevista com Putin nos bastidores da cúpula do G20 em Buenos Aires, que acontece na sexta-feira e no sábado. A reunião Trump-Putin cobrirá questões de segurança, controle de armas e questões no Oriente Médio e na Ucrânia, afirmou o conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton.

A Rússia abriu fogo contra os barcos ucranianos e em seguida os apreendeu e deteve seus tripulantes, no domingo, perto da Crimeia, uma península que a Rússia anexou da Ucrânia em 2014. Moscou e Kiev tentaram culpar um ao outro pelo incidente.

Putin continua aguardando encontro

Em um fórum financeiro em Moscou, Putin, disse que espera encontrar Trump na cúpula do G20 na Argentina nesta semana e que e falar sobre barreiras comerciais.

"Eu espero que possa falar com Trump na Argentina. Eu espero que possamos discutir barreiras comerciais. Trump no geral tem uma atitude positiva".

Internacional