PUBLICIDADE
Topo

Após protestos, 24 pacientes fogem de centro de tratamento de Ebola no Congo

27/12/2018 12h20

GOMA, República Democrática do Congo (Reuters) - O Ministério de Saúde da República Democrática do Congo informou que 24 pacientes fugiram de um centro de tratamento de Ebola em Beni nesta quinta-feira, depois que o local foi invadido por manifestantes que protestavam contra a decisão de suspender a votação da eleição presidencial de domingo na cidade.

A porta-voz do ministério, Jessica Ilunga, disse à Reuters que 17 dos pacientes já haviam obtido resultados negativos em exames de Ebola, enquanto sete ainda não haviam sido examinados.

Ilunga disse que três pacientes já haviam retornado ao centro e que funcionários estão em contato com 17 outros para coordenar sua volta.

Autoridades de saúde tem o endereço e número de telefone dos outros quatro pacientes, acrescentou.

(Reportagem de Fiston Mahamba)