PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Ofensiva russa de larga escala é possível em janeiro, diz Ucrânia

03/12/2021 11h23

Por Natalia Zinets

KIEV (Reuters) - A Rússia reuniu mais de 94 mil soldados perto de sua fronteira com a Ucrânia e pode estar preparando uma ofensiva militar de larga escala para o final de janeiro, disse o ministro da Defesa ucraniano ao Parlamento nesta sexta-feira citando relatórios de inteligência

Oleksii Reznikov disse que a Ucrânia não fará nada para provocar a situação, mas que está pronta para reagir se a Rússia lançar um ataque. Ele ainda disse que seu país está levando adiante a construção de duas bases navais em seu litoral sul.

"Nossa inteligência analisa todas as possibilidades, inclusive as piores", disse Reznikov. "Ela observa que a probabilidade de uma escalada ampla da Rússia existe. O momento mais provável de se chegar à prontidão para uma escalada será o final de janeiro."

A Ucrânia e seus aliados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) acionaram o alarme devido às movimentações de soldados russos perto das divisas ucranianas neste ano, provocando temores de que um conflito ainda fervilhando no leste da Ucrânia degenere em uma guerra aberta.

O vice-presidente da câmara alta do Parlamento russo negou que seu país esteja planejando qualquer operação ofensiva no leste da Ucrânia e que fará tudo que puder para evitar uma grande escalada na região, relatou a agência de notícias Interfax.

A Rússia, por sua vez, acusou a Ucrânia e os Estados Unidos de comportamento desestabilizador e insinuou que a vizinha pode estar se preparando para lançar sua própria ofensiva no leste ucraniano, o que as autoridades ucranianas negam com veemência.

(Reportagem adicional de Tom Balmforth em Moscou)