PUBLICIDADE
Topo

Após terremoto, tsunami deixa quase 400 mortos na Indonésia

29/09/2018 07h56

Um tsunami provocado por um terremoto de intensidade 7,5 atingiu a ilha de Célebes, na Indonésia, na sexta-feira (28), deixando ao menos 384 mortos.

Fotos tiradas na cidade de Palu, onde vivem 350 mil pessoas, mostram corpos ao longo do litoral. Milhares de casas, hospitais e hoteis foram destruídos e várias estradas estão bloqueadas. O principal aeroporto de Palu foi fechado às 19h30 locais e se manterá sem funcionar por 24 horas, de acordo com as autoridades.

Segundo o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), o terremoto atingiu 7,5 graus de magnitude e foi mais forte que a série de tremores que deixaram mais de 500 mortos e 1.500 feridos na ilha indonésia de Lombok, na região de Bali, em agosto. 

O desespero levou os habitantes a fugir para os pontos mais elevados da cidade, segundo imagens das televisões locais. "Os habitantes entraram em pânico e saíram correndo de suas casas", disse o porta-voz da agência de gestão de desastres, Sutopo Purwo Nugroho. 

O epicentro do terremoto foi situado 78 quilômetros ao norte de Palu, e o tremor foi sentido até o sul, onde está Macasar, capital da ilha. A terra também tremeu na vizinha Kalimantan e em Samarinda, do outro lado do estreito de Macasar. O tsunami foi registrado às 18h22 local na costa da região de Palu, informou a agência indonésia de geofísica.

Ajuda humanitária

Aviões militares decolaram de Jacarta neste sábado levando alimentos e medicamentos para a região de Palu. Mas a chegada da ajuda humanitária é dificultada pela destruição e pelos escombros. 

Os serviços de resgate também não conseguem chegar ao leste e sul da cidade devido às inundações que o tsunami provocou. Nenhuma vítima foi socorrida nestes locais até o momento. As autoridades afirmam que o balanço de mortos deve aumentar consideravelmente nas próximas horas. 

Indonésia sofre com terremotos e tsunamis

Em 26 de dezembro de 2004, a Indonésia sofreu uma série de terremotos devastadores, um deles de magnitude 9,1, na ilha de Sumatra - o terceiro maior tremor do mundo desde 1900. O fenômeno provocou um grande tsunami que resultou a morte de 220 mil pessoas nos países do sudeste asiático, 168 mil apenas na Indonésia. 
   
Em 2006, quase 6 mil pessoas morreram em um violento tremor que atingiu a ilha de Java. De magnitude 6,3, segundo o USGS, ele foi registrado em uma populosa zona ao sul da grande cidade universitária de Yogyakarta e deixou mais de 3 mil mortos e 38 mil feridos. Mais de 420 mil pessoas perderam suas casas.

Os sismos registrados na ilha de Lombok em agosto deixaram 555 mortos e cerca de 1.500 feridos.

(Com informações da AFP e Reuters)