Topo

Batida de carro em poste deixa parte de Brasília às escuras

Fábio Brandt

Do UOL, em Brasília

18/01/2012 11h24Atualizada em 18/01/2012 13h18

A maior parte da Asa Norte, em Brasília, teve um apagão por cerca de uma hora nesta quarta-feira (18). Na área, há setores residenciais, comerciais, além de hospitais e várias empresas públicas e privadas.

Segundo a CEB (Companhia Energética de Brasília), o motivo do problema foi a batida de um automóvel em um poste de luz na região do Setor de Rádio e TV norte. Três cabos caíram no chão, afetando a subestação 3, que fica perto do local. O acidente ocorreu por volta das 9h e a energia foi restabelecida por volta das 10h.

Além do Setor de Rádio e TV, outras regiões que concentram edifícios comerciais e do governo foram atingidas. O Setor Bancário Norte e o Setor Comercial Norte também ficaram sem luz. O apagão se estendeu da primeira até a décima quadra da Asa Norte (ao todo, o bairro é dividido em 16 quadras).

Apesar do problema, a Polícia Militar não registrou transtornos na área. O dia amanheceu nublado e com momentos de chuva. Alguns semáforos ficaram desligados e o trânsito congestionou.

Problema recorrente

Apagões de energia pontuais são frequentes em Brasília. Sempre que chove, várias partes da cidade ficam sem luz. Em 2010, segundo dados da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) cada residência brasiliense ficou, em média, cerca de 14,8 horas sem luz.

Apesar de o problema atingir o Plano Piloto (área central de Brasília) e as cidades satélites (periferia), o Distrito Federal anunciou no fim de 2011 intenção de construir uma nova subestação de geração de energia para atender o centro da capital, onde estão a Esplanada dos Ministérios e Palácio do Planalto.

Segundo a CEB, o objetivo do projeto é atender ao estádio Mané Garrincha, que está em reforma para receber jogos da Copa das Confederações, em 2013, e da Copa do Mundo, em 2014. Atender o Palácio do Planalto e a Esplanada dos Ministérios, onde estão Dilma Rousseff e o alto escalão de seu governo, segundo a empresa, seria só uma forma de aproveitar o potencial da nova subestação.

Em entrevista ao programa “Poder e Política – Entrevista” , do UOL e da Folha, o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), prometeu resolver o problema dos apagões até 2013, ano da Copa das Confederações.

Leia a íntegra da nota da CEB

A CEB Distribuição informa que, entre 10h05 e 10h07 desta quarta-feira, 18 de janeiro,  restabeleceu o fornecimento de energia da Subestação 3, localizada na 902 Norte, próxima ao Colégio Militar. Dela partem 27 circuitos que abastecem a Asa Norte de Brasília.

Por volta das 9h, a subestação interrompeu automaticamente o fornecimento de energia. A área operacional da Empresa atribui o ocorrido ao abalroamento de um poste nas proximidades da subestação, que provocou, inclusive, o rompimento de três cabos de energia. O episódio atingiu, aproximadamente, 23 mil pessoas da Asa Norte.

 Após identificar a origem da interrupção, os técnicos da Companhia reativaram 25 dos 27 circuitos que saem da subestação, entre 10h05 e 10h07. Por volta das 11h30, o serviço de restabelecimento foi finalizado, garantindo energia à Asa Norte.

Outras interrupções:
- Candangolândia
Intervalo de interrupção: entre 9h e  10h50
Causa: cabo partido em uma das redes de energia

- Expansão da QNO de 16 a 20, em Ceilândia
Intervalo de interrupção: entre 9h e 9h52
Causa: ainda desconhecida

- Área que abrange Hospital Regional de Brazlândia, fórum, setor Veredas e Vila São José
Intervalo de interrupção: entre 9h e 9h30 (quando começou o restabelecimento)
Causa: ainda desconhecida

(Com Agência Brasil)

Mais Cotidiano