PUBLICIDADE
Topo

Mulher usa câmera escondida para gravar agressão de noivo a cadelas no Rio

Segundo a Polícia Civil, as imagens estão sendo analisadas pela polícia, e o  acusado da agressão deve depor na terça-feira - Reprodução/Instagram
Segundo a Polícia Civil, as imagens estão sendo analisadas pela polícia, e o acusado da agressão deve depor na terça-feira Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, no Rio

09/02/2015 12h14Atualizada em 09/02/2015 21h41

Dois vídeos que circularam nas redes sociais no final de semana mostrando agressões a duas cadelas na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro, acabaram em instauração de um inquérito policial por maus tratos na 16ª Delegacia.

Segundo informações do jornal “O Globo”, a dona dos animais, Ninna Mandin, escondeu uma câmera em casa, com a qual flagrou o noivo espancando e jogando no chão as cadelas, da raça buldogue francês. Os vídeos, postados no Facebook, tiveram mais de 9.000 compartilhamentos.

"Não temos palavras pra descrever tamanha covardia com seres tão puros e indefesos que nunca o fizeram mal. O único sentimento que tenho é o remorso de não ter percebido antes para poupá-las", escreveu NInna.

De acordo com a Polícia Civil, as imagens estão sendo analisadas pela polícia, e o  acusado da agressão deve depor na terça-feira (10).

As imagens foram compartilhadas pela apresentadora de TV Luiza Mell em sua página no Facebook. “Preciso da ajuda de vocês para punir este covarde”, escreveu. No domingo (9), a dona dos cães postou um novo vídeo, ao lado deles, dizendo que estão todos bem.

O advogado de Nina foi procurado pela reportagem do UOL, mas estava em uma reunião.

Cotidiano