Topo

Dilma anuncia repasse de R$ 5,8 mi para cidades de SC atingidas por tornado

Do UOL, em São Paulo

2015-04-27T12:12:14

27/04/2015 12h12

A presidente Dilma Rousseff (PT) autorizou a liberação de R$ 5,8 milhões para Xanxerê e Ponte Serrada, municípios do oeste de Santa Catarina atingidos por tornados com ventos de mais 250 km/h na semana passada. Ela sobrevoou Xanxerê, onde também fez um pronunciamento nesta segunda-feira (27).

Na visita à região atingida, Dilma afirmou que R$ 3 milhões serão destinados à recuperação do ginásio municipal de Xanxerê. Os outros R$ 2,8 milhões serão utilizados em outras obras de recuperação nas duas cidades.

Uma portaria da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério da Integração Nacional publicada hoje no Diário Oficial da União trata somente da liberação dos R$ 2,8 milhões.

O prazo de execução das obras e serviços é de 180 dias. Os municípios precisam entregar ao ministério uma proposta de atendimento às famílias e às áreas atingidas. O documento deve detalhar a quantidade e o valor estimado das intervenções previstas.

Outra portaria, do Ministério das Cidades, também publicada no Diário Oficial, disponibiliza recursos para reforma das moradias e construção habitacional por intermédio do programa Minha Casa, Minha Vida em áreas urbanas e rurais. A transferência de recursos será feita mediante assinatura de termo de compromisso firmado com a Caixa Econômica.

Dilma prometeu agilidade na liberação dos recursos e ficou de analisar um pedido do governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD), de repasse específico de R$ 28 milhões para a reconstrução de casas. “O que é emergencial nunca é dificultado”, afirmou Dilma sobre a promessa de repasse de verbas. 

A liberação nem sempre se concretiza na íntegra, no entanto. Atingido por uma enchente em janeiro 2014, o município de Itaoca, situado no Vale do Ribeira, no sul de São Paulo, ainda não havia recebido, um ano depois, toda a verba e as obras prometidas pelos governos federal e estadual.

Números do desastre

De acordo com a Defesa Civil, 4.275 pessoas estão desalojadas em Xanxerê (551 km de Florianópolis) e há 539 desabrigadas na cidade, a mais afetada. Duas pessoas morreram e 97 ficaram feridas – cinco delas com gravidade.

São 2.188 casas atingidas, sendo 1.583 com danos nos telhados, 360 parcialmente danificadas e 235 totalmente destruídas. Em relação às empresas, 38 tiveram prejuízos. Nove prédios públicos foram danificados, entre eles o ginásio municipal, que ficou praticamente destruído.

Em Ponte Serrada (507 km de Florianópolis), são 27 feridos, 1.050 desalojados e 77 desabrigados. Em relação às edificações, são 180 casas com danos nos telhados, 148 parcialmente danificadas e 24 totalmente destruídas. Trinta e uma empresas e uma edificação pública foram atingidas.

Outros 20 municípios do oeste catarinense foram atingidos pelos tornados e sofreram prejuízos.

Em Xanxerê, Dilma conversou com Valdir Marical, professor que ajudou a salvar 28 adolescentes que treinavam no ginásio municipal. “Houve atos de heroísmo”, disse a presidente sobre as ações de moradores das cidades no momento do tornado. (Com Agência Brasil)