MT: Homem diz ser 'corno dos grandes' e registra boletim contra companheira

Eduardo Pereira

Colaboração para o UOL

  • Divulgação/Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso

    Homem formalizou B.O. com grande quantidade de palavrões registrados no texto

    Homem formalizou B.O. com grande quantidade de palavrões registrados no texto

Revoltado com supostas traições de sua companheira, um homem de 50 anos, residente na cidade de Cáceres, no Mato Grosso, decidiu registrar um boletim de ocorrência contra ela. Se identificando como um "corno dos grandes", o homem formalizou o documento nesta segunda-feira (17), chamando atenção pela quantidade de palavrões registrados em seu texto.

O UOL teve acesso ao boletim de ocorrência, que traz a transcrição do depoimento prestado pelo homem à polícia. Segundo ele, as traições começaram a acontecer depois de dias de relacionamento e teriam sido consumadas até mesmo "na rua". Reclamando de dor na cabeça em meio a um bom número de palavras chulas, o depoente ainda afirma estar cansado de "tomar chifre".

O homem ainda menciona uma bicicleta, que seria usada pela sua companheira como meio de transporte nas traições. Segundo ele, na tentativa de barrar a ação da mulher, ele teria tirado o ar dos pneus da bicicleta e, depois, tomado posse dela para ser consertada.

Como não se enquadra como crime, o boletim de ocorrência foi registrado como de "natureza atípica". Assim, ele não virá a gerar nenhum procedimento policial.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso, as palavras registradas no documento seriam exatamente as mesmas usadas pelo homem durante o depoimento. Os trechos foram preservados a pedido do depoente e confirmados por meio de assinatura. O órgão afirma ainda que a linguagem presente no documento não é típica do procedimento policial padrão.

Ainda segundo a secretaria, o homem foi convocado a prestar um novo depoimento à polícia nesta quarta-feira (19), a fim de esclarecer se havia intenção, de fato, no registro do documento de tal e forma e por tal motivação. O órgão também não exclui a possibilidade de, mediante análise da corregedoria, advertir de alguma forma o policial responsável pelo registro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos