PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Interventor reúne secretários de segurança de SP, MG e ES para discutir fuga de criminosos do Rio

Interventor federal se reúne com secretários de Segurança Pública de estados vizinhos  - Divulgação / CML
Interventor federal se reúne com secretários de Segurança Pública de estados vizinhos Imagem: Divulgação / CML

Marina Lang

Colaboração para o UOL, do Rio

27/02/2018 18h57

O interventor federal do Rio, general Walter Souza Braga Netto, recebeu na tarde desta terça-feira (27) os secretários da Segurança de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo para discutir estratégias para eventuais fugas de criminosos para esses Estados. No entanto, detalhes sobre essas estratégias não foram fornecidos pelo CML (Comando Militar do Leste).

Em nota, o CML informou apenas que “foram estreitados ainda mais os laços de cooperação”, sem especificar, contudo, de que forma isso aconteceu.

Os Estados vizinhos temem que a intervenção federal na segurança do Rio e a consequente presença de forças de segurança em favelas cariocas faça membros do crime organizado migrarem para suas regiões. Nos Estados vizinhos os suspeitos poderiam, em tese, estabelecer novas bases para praticar atividades criminosas. 

“Também foram discutidas providências para prevenir uma indesejável extrapolação, para além das divisas do Rio de Janeiro, dos efeitos decorrentes das medidas que estão sendo adotadas no Estado”, diz o comunicado.

Ainda de acordo com o texto, também participaram da reunião os comandantes da Polícia Militar de São Paulo, Espírito Santo e Minas Gerais, o comandante da Força Nacional de Segurança Pública, o superintendente nacional e representantes regionais da PRF (Polícia Rodoviária Federal), além de representantes do Comando Conjunto, do Comando Militar do Leste, da Abin (agência de inteligência), Secretaria Nacional de Segurança Pública e Polícia Federal.

Cotidiano