Topo

Prédio desaba no centro de São Paulo após incêndio

Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo
Imagem: Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo

Luciana Quierati

Do UOL, em São Paulo

29/09/2018 01h36Atualizada em 29/09/2018 16h17

Parte de um prédio desabou parcialmente no centro de São Paulo depois de ser atingido por um incêndio que começou por volta das 20h desta sexta-feira (28). O edifício fica na rua Carnot, próximo à avenida do Estado, no bairro do Canindé (região central). 

Segundo os bombeiros, dois homens da corporação se feriram. Um tenente está em estado grave, com queimaduras de segundo e terceiro graus, e foi levada para atendimento no Hospital das Clínicas, no centro da capital. Já um sargento teve ferimentos leves na mão e foi encaminhada para o Conjunto Hospitalar do Mandaqui, na zona norte. 

Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo
Imagem: Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo

Por volta das 10h30 deste sábado (29), a informação dos bombeiros era de que o fogo já estava controlado e as equipes trabalhavam nos escombros para conter os últimos focos do incêndio e resfriar as estruturas.

Ainda não há informações sobre as causas do incidente e nem do grau de comprometimento da estrutura de edifícios vizinhos. O prédio, que abrigava uma loja e estava vazio no momento do desabamento.

Quarenta carros de resgate e combate a chamas foram empregados na ocorrência. As causas do incêndio serão investigadas.

O prédio atingido nesta sexta fica a cerca de 2,5 km do edifício Wilton Paes de Almeida, que também desabou após pegar fogo no Largo do Paissandu há cinco meses, deixando sete mortos. A construção do Paissandu, de 24 andares, abrigava de forma irregular cerca de 290 famílias. (Com Estadão Conteúdo)

Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo
Imagem: Marcelo Gonçalves/Sigmapress/Estadão Conteúdo