Topo

Pai tenta salvar filho e os dois morrem afogados em lagoa na Bahia

Ygor Vieira de Almeida e o pai dele, Carlos Barros de Almeida - Reprodução TV Sudoeste
Ygor Vieira de Almeida e o pai dele, Carlos Barros de Almeida Imagem: Reprodução TV Sudoeste

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

21/06/2019 21h19

Pai e filho morreram afogados em uma lagoa na zona rural de Maetinga, região sudoeste da Bahia, depois que o filho começou a se afogar e o homem tentou salvá-lo. O caso ocorreu na tarde da última quarta-feira (19).

O agricultor Carlos Barros de Almeida, 40, e o filho dele, Ygor Vieira de Almeida, 14, tentavam instalar uma bomba de captação de água no reservatório da fazenda Lagoinha.

Almeida estava na beira da lagoa e o filho entrou no reservatório com o equipamento para ser instalado. Mas, instantes depois, o adolescente começou a se afogar e o pai entrou na lagoa para salvá-lo. Os dois não sabiam nadar e não conseguiram sair da água.

Equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) tentou reanimar as vítimas ainda no local.

Os corpos foram levados para o IML (Instituto Médico Legal) de Brumado e liberados para enterro na madrugada de ontem. Ambos foram sepultados no cemitério do município.

A tragédia comoveu a cidade de 7.000 habitantes. A Prefeitura de Maetinga se manifestou por meio de nota lamentando o ocorrido. "Neste momento de dor, o Poder Executivo se solidariza com familiares e amigos enlutados, externando votos de pesar pela perda prematura de parte dessa família", diz a nota.

Cotidiano