PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês
ONG faz ato em Copacabana pelos quase 100 mil mortos por covid no Brasil

08.ago.2020 - ONG Rio de Paz lota a areia da praia de Copacabana, no Rio, com bexigas vermelhas em homenagem aos quase 100 mil mortos pela covid-19 no Brasil - JORGE HELY/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
08.ago.2020 - ONG Rio de Paz lota a areia da praia de Copacabana, no Rio, com bexigas vermelhas em homenagem aos quase 100 mil mortos pela covid-19 no Brasil Imagem: JORGE HELY/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

08/08/2020 08h52

A ONG Rio de Paz levou balões de gás vermelhos e cruzes à praia de Copacabana na manhã de hoje para lembrar os quase 100 mil mortos pela covid-19 no Brasil e também em protesto ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O ato vai soltar os balões e critica a condução do governo na crise provocada pela pandemia.

O taxista Márcio Antônio do Nascimento era um dos que participavam do ato. Em junho, em outro ato da ONG, um homem que passava pela praia tirou as cruzes do lugar. Márcio, que perdeu o filho devido à covid-19, entrou na areia e arrumou tudo. "Uma daquelas cruzes representava meu filho", disse ele na época.

ato Copacabana - JORGE HELY/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO - JORGE HELY/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO
08.ago.2020 - Márcio Antônio do Nascimento, que perdeu o filho Hugo Nascimento, vítima da covid-19, particpia de ato em memória aos quase 100 mil mortos pela doença no Brasil, na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro
Imagem: JORGE HELY/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Segundo o balanço do consórcio de veículos de imprensa do qual o UOL faz parte divulgado às 8h de hoje, o Brasil tem um total de 99.743 mortes provocadas pela doença. O número de casos confirmados se aproxima dos 3 milhões, totalizando 2.967.634 até esta manhã.

Os dados referentes aos casos e às mortes são levantados junto às secretarias estaduais de Saúde.

Cotidiano