PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Esse conteúdo é antigo

Fábrica clandestina de fogos de artifício no RN desaba após explosões; veja

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Recife

05/11/2020 15h03Atualizada em 05/11/2020 17h31

Um sobrado utilizado como fábrica e depósito clandestino de fogos de artifício desabou hoje pela manhã após uma sequência de explosões dentro da própria edificação, localizada rua Benjamin Constant, no centro do município de Apodi (RN).

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte, o chamado para atender o incidente ocorreu às 11h40 e não houve feridos. Ainda não se sabe a causa do incidente.

Três equipes do Corpo de Bombeiros em Mossoró, a 79 km de Apodi, foram destacadas para atender a ocorrência, pois o município não possui uma unidade de combate a incêndios. Os bombeiros chegaram por volta das 13h40 e isolaram parte da rua. A corporação informou que o fogo foi controlado rapidamente.

O Corpo de Bombeiros informou ainda que o depósito clandestino ficava no térreo, enquanto e na parte de cima tinha uma residência. Não havia ninguém no sobrado no momento da explosão e desabamento, segundo a PM.

Os militares estão fazendo operação de rescaldo no prédio para que não haja risco de novas explosões e incêndios. Até agora, apenas o sobrado foi atingido e destruído. O serviço de engenharia da corporação está avaliando se outras edificações próximas ao local da explosão foram danificadas.

Imagens obtidas pelo UOL mostram que o primeiro andar da edificação ficou totalmente destruído e o teto do térreo desabou. Pedaços da edificação foram arremessados com a força da explosão para a rua.

Além de fogos de artifício, local também armazenava de forma clandestina pólvora, plástico e outros materiais inflamáveis.

Cotidiano