PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
3 meses

Pescadores encontram granada de 1915 ao limparem margem de rio em SP

Granada do século passado é encontrada por pescadores no interior de São Paulo - Reprodução/ Rede Social
Granada do século passado é encontrada por pescadores no interior de São Paulo Imagem: Reprodução/ Rede Social

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/08/2021 15h58Atualizada em 19/08/2021 15h58

Uma granada modelo M36 produzida por volta do ano de 1915 foi encontrada por pescadores às margens do Rio Turvo, em Cardoso, interior de São Paulo, na tarde de ontem. O Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foi chamado para fazer a explosão do artefato.

Segundo a Polícia Militar, por volta das 6h30, pai e filho chegaram às margens do rio para pescar e, enquanto limpavam à área onde ficariam, encontraram o artefato de fabricação inglesa produzido no século passado. Ainda não se tem pistas de como o objeto tão antigo e de procedência europeia foi parar à margem do rio.

"Quando bati a enxada, achei que era uma pedra. Rastelando, percebi que era uma granada, imediatamente me afastei dela e chamei a polícia", relatou Gustavo Spada em entrevista à TV Tem, afiliada da Rede Globo, no interior paulista.

Ainda segundo a corporação, a área foi isolada até a chegada do Gate, que se deslocou da capital paulista até o interior para analisar o artefato e fazer a explosão dele.

"Usando uma roupa de proteção o policial pegou a granada, a colocou em um buraco feito perto do rio e fez a detonação do explosivo. Não é história de pescador, essa pescaria vai ficar marcada na nossa história", acrescentou Gustavo.

Cotidiano