PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
15 dias

Empresário desaparecido no Rio foi morto por milícia, diz polícia

Alberto César Romano Júnior, de 33 anos, desapareceu na sexta; seu carro foi encontrado na tarde de domingo (26) - Reprodução/Facebook
Alberto César Romano Júnior, de 33 anos, desapareceu na sexta; seu carro foi encontrado na tarde de domingo (26) Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

28/09/2021 20h05Atualizada em 28/09/2021 20h05

A Polícia Civil do Rio de Janeiro acredita que o empresário Alberto César Romano Júnior, de 33 anos, desaparecido desde sexta-feira (24), tenha sido morto por integrantes de uma milícia. Segundo familiares, ele foi para o Shopping Barra World para cortar o cabelo, como fazia semanalmente, mas não entrou mais em contato com conhecidos.

Em nota, a DDPA (Delegacia de Descoberta de Paradeiros) informou que a principal linha de investigação aponta o envolvimento da milícia da Zona Oeste em homicídio e ocultação de cadáver. O crime teria sido motivado por "transações imobiliárias feitas na região pelo empresário", diz a corporação.

O carro da vítima foi encontrado trancado, na tarde do domingo (26), no cruzamento entre Estrada dos Colonos com Estrada Efigênia, no bairro Santa Cruz, a mais de 27 km da Barra da Tijuca. O veículo estava sem sinais de arrombamento ou qualquer pista que ajudasse a compreender o ocorrido.

O UOL entrou em contato com o pai do empresário, Alberto César Romano, que tinha dado detalhes da busca da família após o desaparecimento. Ele informou não ter condições de se pronunciar no momento. Na última entrevista, Romano disse desconhecer que o filho frequentasse a região indicada como último paradeiro do empresário, segundo o GPS do aparelho celular que utilizava, nas imediações onde o veículo também foi localizado.

Segundo a polícia, o automóvel foi periciado e imagens de câmeras de segurança foram analisadas e suspeitos estão sendo identificados. Agora, as investigações continuam para localizar a vítima e os autores do crime.

Cotidiano