PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

PM reformado tem mão decepada ao tentar defender mulher de agressor no DF

Luccas Lucena

Do UOL, em São Paulo

04/07/2022 14h15Atualizada em 04/07/2022 14h24

Um policial militar da reserva teve a mão decepada com um golpe de facão ao tentar defender uma mulher de um agressor na madrugada de sábado (2) em Brasília, no Distrito Federal. Leandro Percivalli Nascimento contou ao UOL que o suspeito ainda tentou atropelá-lo após o golpe. A Polícia Civil disse que investiga o caso como tentativa de homicídio.

Em vídeo registrado por uma câmera de segurança, é possível ver o suspeito indo para cima de Percivalli com um facão. Com apenas um golpe, ele decepa a mão da vítima, que corre do local. Momentos depois, ele volta para perto de casa e o suspeito tenta atropelá-lo mesmo após a facada.

"A mão ficou pendurada. Ele continuou vindo para cima, mesmo eu fugindo. Ele entrou no carro e ainda tentou me atropelar", disse a vítima.

Na hora em que o suspeito ameaçava a namorada, Percivalli estava dormindo e acordou com os gritos. Ao chegar na rua para apaziguar a situação, ele diz que o rapaz nem hesitou ao dar uma facada nele, o deixando sem reação.

A Polícia Civil disse que o caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia de Asa Norte. Segundo a corporação, o homem que desferiu o golpe já foi identificado e tem 24 anos. Na ocorrência, não consta a prisão dele nem informações sobre a defesa.

No rápido contato com a reportagem, Percivalli diz não correr risco de morte, mas que agora não sabe "o que fazer da vida", já que perdeu uma das mãos e precisa trabalhar atendendo a clientela no restaurante em que é dono.

Cotidiano