Conheça 10 coisas que são proibidas na terra de Vladimir Putin

Do UOL, em São Paulo

Vladimir Putin governa a Rússia com mãos de ferro desde 1999, ora como presidente interino, ora como presidente de fato e ora como primeiro-ministro.

Excêntrico que só ele, já foi visto caçando, andando a cavalo seminu e lutando judô. Já disse que defende o ditador sírio Bashar al-Assad e, com poder de veto no Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) sempre impede qualquer tentativa de derrubá-lo do poder.

E o país é o espelho de seu governante, com leis rigorosas e proibições peculiares, conheça algumas.

Eric Gay/AP
Eric Gay/AP

Propaganda gay

Em 2013, foi aprovada uma lei que veta a "propaganda de relações sexuais não tradicionais a menores de idade". A legislação prevê prisão e multas de até US$ 150 (R$ 470) para indivíduos e de até US$ 30 mil (R$ 93,7 mil) para organizações, além de medidas mais severas em caso de transmissões pela internet. Estrangeiros que violem a lei podem ser detidos por 15 dias. A lei visa impedir a realização de manifestações de ativistas e paradas gays. Na Rússia, a homossexualidade era considerada crime até 1993 e uma doença mental até 1999.
Ian West/AP
Ian West/AP

Anistia Internacional ameaçada

Dezenas de ONGs estrangeiras, incluindo as organizações de alcance global como Anistia Internacional e Human Rights Watch, poderão ser obrigadas a encerrar suas atividades na Rússia após a sanção do presidente Vladimir Putin, em maio deste ano, a uma lei que permite que a Justiça decrete as organizações como indesejáveis no país. A legislação permite que as autoridades russas decretem ONGs como indesejáveis se consideradas ameaças à ordem constitucional, à segurança ou às defesas do país.
Getty Images
Getty Images

Serviços online só com servidores locais

O parlamento russo aprovou, em julho de 2014, lei que impede os serviços online de funcionar no país se os dados dos usuários não forem guardados localmente. Isso afeta redes sociais, e-mails, apps e serviços de armazenamento em nuvem, como Google Drive, iCloud e Dropbox. O governo apresenta justificativas que vão desde o combate à pirataria até a segurança nacional, que se tornou preocupação crescente após as revelações de Edward Snowden, especialista da agência de segurança americana NSA, que hoje está asilado na própria Rússia. A lei começará a valer em 2016.
Reprodução
Reprodução

Memes proibidos

Na Rússia, os memes --fotos e vídeos que viralizam na internet-- serão proibidos se apresentarem a imagem de uma autoridade pública que não tenha relação com a "personalidade" desta figura, anunciou a Roskomnadzor, agência federal russa responsável pela supervisão de tecnologia de informação e comunicações em abril deste ano. O comunicado enviado pela agência não se trata de uma nova lei aprovada pelo Parlamento, mas uma clarificação de uma política já existente. Em virtude dessas normas, se uma personalidade se sentir ofendida com algum meme que contenha sua imagem, ela tem a opção de reportar o constrangimento ao Roskomnadzor, que poderá levar o caso aos tribunais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos