Mulher é morta ao participar de exercício de simulação da polícia na Flórida

Do UOL, em São Paulo

  • Facebook/Reprodução

Uma mulher foi morta acidentalmente ao participar de um exercício de simulação promovido pela polícia de Punta Gorda, na Flórida, nos EUA.

Mary Knowlton estava entre os 35 civis que participavam do exercício em que tinham de decidir sobre disparar ou não, usando munição falsa, na última segunda-feira (9), segundo nota divulgada pela polícia no Facebook.

Knowlton, porém, foi atingida por munição verdadeira durante a encenação. Ela chegou a ser levada para o Lee Memorial Hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

"Estou devastado por todos envolvidos neste evento inimaginável. Se você reza, por favor, reze pela família de Mary e pelos oficiais envolvidos. Todos envolvidos nesse acidente estão em estado de choque e de dor, afirmou o chefe da polícia local, Tom Lewis. 

Uma investigação a cargo do Departamento de Polícia do Estado da Flórida foi aberta sobre o caso. O policial responsável pelo disparo não teve o nome divulgado, mas foi afastado das funções, segundo a nota oficial.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos