Homem processa Nova York após saltar bêbado de ambulância em movimento

Do UOL, em São Paulo

  • Associated Press

    Yaugeni Kralkin

    Yaugeni Kralkin

Um nova-iorquino bêbado que saltou de uma ambulância em movimento está processando a cidade por ter deixado isso acontecer.

Yaugeni Kralkin, de 54 anos, ficou embriagado com conhaque e vinho, em junho do ano passado, depois de ter discutido com a família. Após beber em casa, o sujeito ainda foi para um bar.

Quando tentava voltar para casa, alguém chamou uma ambulância, pois Kralkin mal conseguia se movimentar. De acordo com o processo judicial, o sujeito foi encontrado pelos paramédicos "sentado, sem ferimentos, mas com um caminhar instável".

Kralkin estava tão bêbado que policiais precisaram colocá-lo na ambulância. No entanto, quando estava a caminho do hospital, o homem conseguiu tirar os cintos, abrir a porta do veículo e se jogar de lá.

O homem sofreu múltiplas fraturas faciais e hemorragia no cérebro. Agora, ele está processando a cidade de Nova York, a polícia e o serviço de emergência por tê-lo deixado pular da ambulância. Isso porque, Kralkin estava acompanhado por um paramédico.

Seu advogado, Borislav Chernyy, alega que Kralkin não estava em condições de tomar decisões por conta própria e que o paramédico deveria tê-lo impedido de pular da ambulância com o veículo em movimento.

Ainda não há uma data para o julgamento do caso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos