PUBLICIDADE
Topo

Trump quer militarizar fronteira com o Canadá, diz primeiro-ministro

Donald Trump e Justin Trudeau, durante encontro no Canadá em 2018 - Evan Vucci/AP
Donald Trump e Justin Trudeau, durante encontro no Canadá em 2018 Imagem: Evan Vucci/AP

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/03/2020 16h16

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, confirmou hoje que o presidente americano Donald Trump quer enviar tropas para as fronteiras entre os dois países. A medida seria parte das ações de controle à pandemia do coronavírus. O premiê canadense é contrário a essa ideia.

"Canadá e os Estados Unidos têm a maior fronteira não militarizada do mundo, e é muito do nosso interesse que isso continue assim", disse Trudeau durante entrevista coletiva.

A vice-primeira-ministra, Chrystia Freeland, também expôs a posição do governo canadense sobre o tema. Ela afirmou que os ministros do gabinete e diplomatas têm trabalhado para dizer aos EUA que a militarização das fronteiras não estão nos planos e não terão apoio do Canadá.

"O Canadá é fortemente contrário a essa proposta dos EUA e nós já deixamos isso muito claro aos nossos colegas americanos", disse Freeland, acrescentando que o governo canadense foi notificado sobre a proposta da administração de Trump há dois dias.

"Nós estamos sendo muito diretos e muito firmes para expressar o ponto de vista que eu falei agora, que é o ponto de vista do Canadá: este é um passo totalmente desnecessário que veremos como um dano ao nosso relacionamento", completou.

Coronavírus