PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
12 meses

No Japão, suicídio matou mais em um mês do que covid-19 em um ano

O Japão é um dos países com maior taxa de mortalidade por suicídio - James Matsumoto/SOPA Images/LightRocket via Getty Images
O Japão é um dos países com maior taxa de mortalidade por suicídio Imagem: James Matsumoto/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

29/11/2020 22h49

O Japão divulgou na última semana os seus dados atualizados sobre mortalidade e causas mais comuns de óbito no país. Um número chamou a atenção: em outubro, 2.153 pessoas morreram por suicídio.

O número é maior do que o total de mortos por covid-19 no Japão: 2.057, de acordo com o jornal Japan Times.

Michiko Ueda, especialista no tema e professora da Universidade Waseda, em Tóquio, diz trabalhar com a hipótese de que o número elevado esteja relacionado à pandemia. Em entrevista à CNN dos Estados Unidos, ela explica:

Nem tivemos um lockdown, e o impacto da covid aqui é mínimo em comparação a outros países... Mas ainda vemos um grande aumento no número de suicídios. Isso indica que outros países podem ver um aumento similar ou ainda maior nos números no futuro.

O Japão é um dos únicos países no mundo que divulgam dados sobre suicídio regularmente — nos Estados Unidos, o balanço nacional mais recente é de 2018.

Também é um dos países em que essa causa de morte é mais comum. Em 2016, a taxa de mortalidade por suicídio no país era de 18,5 a cada 100 mil habitantes — quase o dobro da média global, de 10,6 a cada 100 mil habitantes.

No Brasil, em 2016, a taxa de mortalidade por suicídio era de 6,5 a cada 100 mil habitantes.

CVV

Caso você esteja pensando em cometer suicídio, procure ajuda especializada como o CVV (Centro de Valorização da Vida) e os Caps (Centros de Atenção Psicossocial) da sua cidade. O CVV funciona pelo telefone 188, e também atende por e-mail, chat e pessoalmente.

    Internacional