PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Miami: Venezuelanos e argentinos estão entre 99 desaparecidos em prédio

Parte do prédio que desabou no condomínio Champlain Towers South, em Miami - REUTERS/Marco Bello
Parte do prédio que desabou no condomínio Champlain Towers South, em Miami Imagem: REUTERS/Marco Bello

Do UOL, em São Paulo

24/06/2021 16h41Atualizada em 24/06/2021 16h51

Pelo menos quatro cidadãos venezuelanos e 8 argentinos estão entre os desaparecidos após o desabamento de um prédio em Miami, que aconteceu na madrugada de hoje.

A informação foi confirmada nas redes sociais por autoridades dos consulados dos países sul-americanos. O número de pessoas procuradas pela operação de resgate subiu de 51 para 99 nas últimas horas, segundo o porta-voz do Departamento de Polícia local, Álvaro Zabaleta.

Pelo menos uma morte já foi confirmada após o desabamento parcial do prédio. Outras 35 pessoas foram resgatadas dos escombros. Dessas, de acordo com os bombeiros, 10 tiveram ferimentos e duas precisaram ser hospitalizadas.

Em uma coletiva de imprensa concedida na manhã de hoje, autoridades afirmaram que o edifício, localizado no condomínio Champlain Towers South, tinha 136 apartamentos e "metade deles desmoronou". Ainda não há informações sobre as causas do incidente reportado próximo à praia de Surfside.

Centenas de socorristas ainda trabalham nos escombros do edifício em busca de vítimas e sobreviventes.

Veja o momento da queda:

Internacional