Conteúdo publicado há 1 mês

Reinaldo: Milei faz ataque a brasileiros; Bolsonaro não vai se manifestar?

O colunista do UOL Reinaldo Azevedo cobrou um posicionamento do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) durante o programa Olha Aqui! em relação às medidas tomadas pelo presidente argentino Javier Milei de barrar a entrada de brasileiros no país.

Cadê Jair Bolsonaro? Não vai se manifestar? Não falou que finalmente iam libertar a América Latina? Não deve nenhuma resposta ao povo brasileiro? Ele está preocupado com o que Lula disse sobre Israel, mas foi dar endosso ao governo do Milei e chamar de amigão. Agora Milei está tomando medidas contra brasileiros, injustificáveis, diga-se de passagem. Reinaldo Azevedo

Nos últimos dois meses têm se repetido relatos de brasileiros que chegam ao aeroporto de Buenos Aires mas são mandados de volta para o Brasil sob a alegação de que se tratam de "falsos turistas". Vale destacar que, desde 2004, Brasil e Argentina possuem um acordo bilateral que permite aos cidadãos dos dois países um status especial e direito de permanecer em solo estrangeiro por até 90 dias — podendo ter o prazo prorrogado por mais 90 e o direito de iniciarem suas residências, se assim desejarem.

Reinaldo ainda afirmou que Milei está "completamente perdido" com a situação econômica do país, que vê a inflação disparar, e acabou importando a estratégia europeia de culpar imigrantes.

Ele importa a pauta da imigração, porque quando cria essas restrições está sendo dito que parte das dificuldades que vive a Argentina é provocada por estrangeiros, assim como a extrema direita faz na Europa, o que obviamente é mentira. É um cálculo de alguém que não tem saída. Milei não tem nada a oferecer e, ainda que exista uma certa condescendência, a coisa já está virando e tem mais pessoas achando que o governo dele é ruim do que o contrário. Reinaldo Azevedo

Diante do impasse com brasileiros na Argentina, Reinaldo também destacou que o Brasil é um dos maiores parceiros comerciais da Argentina, e usar brasileiros como "bodes expiatórios" não é uma atitude muito inteligente do presidente argentino.

Milei não tem responsabilidade nenhuma e é um maluco, um delinquente político e, por isso, precisa achar bodes expiatórios. Não é segredo na Argentina que se usam brasileiros como bodes expiatórios e nós sabemos que existe um certo sentimento em estratos da população argentina de sua superioridade. Eles têm isso muito presente em relação aos demais países e até outro dia se julgavam europeus deslocados da Europa, então Milei tenta explorar isso e faz esse ataque aos brasileiros. Mas, vamos lembrar que o Brasil é um dos principais parceiros comerciais da Argentina e é vital para a economia argentina. Reinaldo Azevedo

Por fim, o colunista do UOL apontou que o governo brasileiro deverá se manifestar contra as medidas, mas voltou a cobrar um posicionamento do ex-presidente Jair Bolsonaro.

O governo brasileiro certamente vai se manifestar e a diplomacia brasileira entrará em ação, mas queria saber dos bolsonaristas se é isso mesmo e se é assim que acham que os brasileiros devem ser tratados por um aliado e irmão de vocês que iria fazer a verdadeira América Latina da liberdade? Reinaldo Azevedo

Continua após a publicidade

***

O Olha Aqui! vai ao ar às segundas, quartas e quintas, às 13h.

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Veja abaixo o programa na íntegra:

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Deixe seu comentário

Só para assinantes