Exclusivo para assinantes UOL

Após 6 anos de guerra, cidade de Damasco fica triste e solitária

Somini Sengupta

Em Damasco (Síria)

  • Hassan Ammar/AP

    Bandeira Síria na cidade de Damasco

    Bandeira Síria na cidade de Damasco

Em uma noite fria do início de novembro, nos bastidores da ópera de Damasco, um coral de mulheres ensaiava uma música popular antiga, uma balada divertida de um desenho animado da infância. Quando elas chegaram ao refrão—“Como é bom viver em uma casa, como é bom viver na sua cidade”—uma das cantoras, Safana Baqleh, começou a chorar.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos