PUBLICIDADE
Topo

Política

Mangabeira Unger deixa Secretaria de Assuntos Estratégicos

Dilma aceitou o pedido de demissão do ministro Mangabeira Unger - Beto Barata/Folhapress
Dilma aceitou o pedido de demissão do ministro Mangabeira Unger Imagem: Beto Barata/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

14/09/2015 20h39Atualizada em 15/09/2015 00h27

O ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Mangabeira Unger, deixou o cargo nesta segunda-feira (14). Unger, filiado ao PMDB, entregou a carta de demissão à presidente no dia em que mais cortes orçamentários foram anunciados e em meio a uma reforma ministerial.

Um dos ministros mais próximos do vice-presidente Michel Temer, Unger já estava isolado do governo e sua secretaria é uma das cotadas para a extinção. O anúncio da reforma ministerial deverá ser anunciado na próxima semana, mas o ministro não esperou a decisão da presidente Dilma Rousseff, que aceitou sua demissão e disse que "espera que ele possa continuar contribuindo com seus valorosos serviços como consultor do Governo Federal".

No primeiro semestre deste ano, a Dilma decidiu dar ao ministro a função de coordenar o projeto Pátria Educadora, que estabeleceria metas e programas para Educação. Logo depois, no entanto, quando Renato Janine Ribeiro assumiu o Ministério da Educação no lugar de Cid Gomes, uma disputa entre os dois inviabilizou o avanço do programa tocado por Manganbeira, e as ideias terminaram congeladas.

Recentemente, influenciada por Janine, Dilma decidiu assumir o Plano Nacional de Educação como a política central de seu governo na área, e o ministro perdeu ainda mais espaço.

Corte de ministérios

Um dos fundadores do PMDB, a demissão de Unger ocorre num momento em que Temer está na Rússia com outros ministros aliados ao partido e quando crescem rumores de que o PMDB está se distanciando cada vez mais da presidente. No fim de agosto, Mangabeira chegou a defender que o PMDB apoie o governo, mas que tenha uma candidatura própria à presidência da República.

Unger é filósofo e professor da universidade norte-americana de Harvard Unger e foi o primeiro ministro da SAE, criada durante o governo do ex-presidente Lula. Ele assumiu o posto em 2007, quando a pasta ainda se chamava Secretaria de Planejamento de Longo Prazo, e permaneceu no cargo até 2009.

Política