Topo

Hasselmann provoca: "Deputado eleito pelo papai querendo ser embaixador"

Joice Hasselmann provoca Eduardo Bolsonaro, antes aliado, em post no Instagram - Zanone Fraissat/Folhapress
Joice Hasselmann provoca Eduardo Bolsonaro, antes aliado, em post no Instagram
Imagem: Zanone Fraissat/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

18/10/2019 20h58

Um dia depois de ser destituída da função de líder do governo no Congresso Nacional, Joice Hasselmann (PSL-SP) voltou a atacar Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro.

No Instagram, Hasselmann postou montagem de Eduardo vestido como Quico, o personagem da série mexicana "Chaves", e disse entre outras coisas "Deputado eleito pelo papai querendo ser embaixador", referindo-se à possibilidade do filho de Bolsonaro se tornar embaixador do Brasil em Washington (EUA). (Leia o post, na íntegra, abaixo)

No longo desabafo, a deputada também lembrou do seu esforço ao lado do governo. "Eu trabalhei mais por seu pai mais que qualquer um, e infinitamente mais do que você, que nunca fez nada! Quantas viagens você fez para ajudar a aprovar a Reforma da Previdência? Quantos votos conseguiu?", questionou.

"Você é quem mais atrapalha seu pai. Você já parou para pensar quantas vezes Atrapalhou o governo? Você já parou para pensar como a vida dele seria melhor se você trabalhasse de boca fechada? Todas as crises pelas quais seu pai passou de alguma forma tem os 'meninos' envolvidos! Realmente muitos chegando agora e sentando na janelinha. Tem até deputado eleito pelo papai querendo ser embaixador nos EUA", ironizou.

Em seguida, Hasselmann alfineta Eduardo dizendo que a pessoa que sequer consegue conversar com outros parlamentares quer alcançar o poder.

"O menino que não consegue trocar meia dúzia de palavras com ninguém no plenário quer ser embaixador dos EUA, presidente do PSL em São Paulo e líder do partido na Câmara e de quebra quer meter a mão numa bufunfa partidária. Quem está atrás do poder mesmo?", perguntou.

"Ingenuidade"

A deputada foi retirada de sua função no Congresso Nacional pelo próprio presidente Bolsonaro após assinar uma lista de apoio ao nome de Waldir.

"Não há mais espaço para ingenuidade. Tá cheio de gente que acabou de subir no ônibus e quer sentar na janela", disse Eduardo. "O nosso foco não pode ser o poder, político que trabalha apenas pelo voto acaba se tornando político padrão. Vise agradar seu eleitor e ser fiel, pois de pessoas desleais a sociedade tem asco. Obs: se não fossem reiteradas entrevistas dando munição aos nossos inimigos este post não estaria sendo feito", completou.

A situação da parlamentar teria ficado comprometida depois de ela assinar uma lista de apoio à permanência do deputado Delegado Waldir na liderança do PSL na Câmara. O desejo do presidente Bolsonaro é que a posição fosse assumida por seu filho Eduardo. O presidente articulou para que isso acontecesse, mas sofreu uma derrota. A Secretaria-Geral da Mesa da Câmara decidiu que Waldir continua no posto.

A deputada havia sido escolhida para a liderança em fevereiro.

***

Ouça o podcast Baixo Clero (https://noticias.uol.com.br/podcast/baixo-clero/), com análises políticas de blogueiros do UOL.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

O moleque inconsequente @bolsonarosp me ataca nas redes. Não sou criança, nem inconsequente. Não aceito mentiras. Leia com atenção, menino. 1- EU trabalhei mais por SEU pai mais que qualquer um, e infinitamente MAIS do que VOCÊ, que NUNCA fez NADA! Quantas viagens você fez para ajudar a aprovar a Reforma da Previdência? Quantos votos conseguiu? 2- Quanto ao delegado WALDIR quero lembrá-lo que foi VOCÊ que trouxe o nome do WALDIR no ano passado para ser líder. Se você não honra a palavra (e nunca honrou) o problema e a vergonha são seus. Eu honro as calças e saias que visto. 3 - Sobre CPMI da Fake News: MENTIROSO. 4- VOCÊ é quem mais atrapalha seu pai. Você já parou para pensar quantas vezes ATRAPALHOU o governo? quantas vezes o PR teve que engolir sapo POR SUA causa? Você já parou para pensar como a vida dele seria melhor se você trabalhasse de boca fechada? TODAS as crises pelas quais seu pai passou de alguma forma tem os "meninos" envolvidos! ACORDA PARA VIDA! 5- Realmente muitos chegando agora e sentando na janelinha. Tem até deputado eleito pelo papai querendo ser embaixador nos EUA. 6- Qual é o seu foco? O menino que não consegue trocar meia dúzia de palavras com ninguém no plenário quer ser embaixador dos EUA, presidente do PSL em São Paulo e líder do partido na Câmara e de quebra quer meter a mão numa bufunfa partidária. QUEM ESTÁ ATRÁS DE PODER MESMO??? 7- quem deu munição aos inimigos foi você, foi quem usou a estrutura do Palácio do Planalto para interferir em outro poder. Sinto muita pena do presidente Bolsonaro por ter que passar por tantas coisas por causa dos filhos. O presidente da República não pode se sujeitar aos caprichos do filhinho que queria a liderança do PSL de presente do dia das crianças e que desestabilizou o maior partido de apoio ao presidente Bolsonaro. VOCÊ e grupelho são os RESPONSÁVEIS por isso. APENAS vocês. VOCÊS Você tem que comer muito feijão para ter 10% da minha força, menino. E olha, não adianta correr para debaixo da saia da mamãe ou do papai, nem acionar os robôs e espalhar fakes com a tropa do mal. Eu NÃO TENHO MEDO DE VOCÊS! Enfrentei Lula, Dilma e toda a corja. Tenho o couro duro. Cresça e apareça

Uma publicação compartilhada por Joice Hasselmann (@joicehasselmannoficial) em

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Política