PUBLICIDADE
Topo

Política

Bolsonaro diz que vai nomear amanhã novo diretor-geral da PF

DO UOL, em São Paulo*

03/05/2020 13h54

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse hoje, durante interação com apoiadores que organizaram uma manifestação em seu apoio e contra o Supremo Tribunal Federal (STF), que anunciará amanhã o novo diretor-geral da Polícia Federal. Ele não revelou o nome.

"Peço a Deus que não tenhamos os problemas dessa semana. Chegamos no limite, não tem mais conversa. Daqui para frente não só mais exigiremos. Faremos cumprir a constituição. Ela será cumprida a qualquer preço. E ela tem dupla mão, não apenas uma. Amanhã vamos nomear o novo diretor-geral da PF e o Brasil segue seu rumo", disse.

Na última semana, o ministro do STF Alexandre de Moraes barrou liminarmente a nomeação de Alexandre Ramagem, que é próximo à família Bolsonaro, na Polícia Federal —Ramagem foi segurança de Bolsonaro durante a campanha eleitoral. No dia seguinte, Bolsonaro atacou o ministro do STF dizendo que não tinha engolido a decisão e que pretendia recorrer.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, Jair Bolsonaro avalia indicar o delegado Rolando Alexandre de Souza para chefiar a instituição. Atual secretário de Planejamento e Gestão da Agência Brasileira de Investigação (Abin), Rolando é próximo de Ramagem, diretor-geral do órgão, de quem é considerado "braço direito".

*Com informações da Estadão Conteúdo.

Política