PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
1 mês

Adolescente será revacinada após receber vacina errada contra covid no RJ

Adolescente foi vacinada com Coronavac, não permitida para menores de idade - Lillian Suwanrumpha/AFP
Adolescente foi vacinada com Coronavac, não permitida para menores de idade Imagem: Lillian Suwanrumpha/AFP

Colaboração para o UOL

22/09/2021 18h45

Uma adolescente de 17 precisará ser revacinada no Rio de Janeiro após receber a primeira dose de uma vacina contra o coronavírus não autorizada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para menores de idade. A jovem, cuja identidade será preservada, foi parcialmente imunizada com a Coronavac, mas, no Brasil, a única vacina autorizada para menores de idade é a da Pfizer.

A aplicação incorreta da vacina foi realizada no dia 23 de agosto no posto da Clínica da Família Medalhista Olímpico Maurício Silva, em Benfica, na zona norte do Rio. A informação foi revelada pelo Globo e confirmada pelo UOL.

Na ocasião em que recebeu a dose da Coronavac, a jovem se encaixava dentro do perfil de prioridades, pois estava lactante - ela tinha dado à luz há 17 dias. Ao Globo, a cunhada da adolescente contou que quando ela foi ser vacinada, explicou no posto que ainda é menor de idade. Ontem, quando retornou à unidade de saúde para tomar a segunda dose, foi atendida por outra pessoa que percebeu o erro e eles ficaram "desesperados".

"Nossa angústia foi porque a gente não sabia se, no caso dela, seria possível combinar a vacina da Coronavac com a da Pfizer, já que ela só tomou uma dos. Ficamos nervosos. Mas ela não teve nenhum efeito estranho, nenhum sintoma. Ela está bem", disse a cunhada.

Em nota encaminhada ao UOL, a secretaria de Saúde do Rio de Janeiro relatou que a aplicação ocorreu de forma "equivocada" e o caso foi notificado à Coordenação do Programa de Imunizações do Município "que realizou o protocolo de vigilância de eventos adversos".

Ainda segundo a pasta, "não houve queixa clínica associada à vacinação". "A unidade de saúde chamará a paciente nos próximos dias para agendamento da revacinação, com dose da Pfizer, como recomendado pela Anvis", completou.

Saúde