PUBLICIDADE
Topo

Planalto começa a realizar teste de covid-19 em funcionários

Desde o início da pandemia, cinco ministros receberam o diagnóstico, além do presidente e da primeira-dama - Kleyton Amorim/UOL
Desde o início da pandemia, cinco ministros receberam o diagnóstico, além do presidente e da primeira-dama Imagem: Kleyton Amorim/UOL

Do UOL, em São Paulo

30/07/2020 23h04

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e a primeira-dama Michelle Bolsonaro contraírem o novo coronavírus, o Palácio do Planalto começou hoje a oferecer testes para seus funcionários.

De acordo com apuração da GloboNews, eles farão o teste rápido, que analisa uma gota de sangue do paciente e procura anticorpos, e não o vírus em si.

Os casos de covid-19 no local não se limitam ao presidente e à primeira-dama: nos últimos meses, cinco ministros receberam o diagnóstico. O mais recente foi o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, que anunciou hoje estar contaminado.

Em março, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o titular do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno, tiveram diagnósticos positivos e se recuperaram da doença.

No início da semana passada, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, também informou que testou positivo para covid-19.

Saúde