PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Coronavírus: 25 hospitais de SP registram ocupação de 100% de leitos de UTI

São 29.510 pacientes internados, mas o estado já apresenta estabilidade na demanda hospitalar  - Evandro Leal/Estadão Conteúdo
São 29.510 pacientes internados, mas o estado já apresenta estabilidade na demanda hospitalar Imagem: Evandro Leal/Estadão Conteúdo

Colaboração para o UOL

05/04/2021 20h41

A secretaria estadual de Saúde de São Paulo informou que hoje (5) 25 hospitais estaduais registram ocupação de 100% de leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) exclusivos para covid-19 (veja relação mais abaixo).

Hoje, as taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 90,6% no estado e de 90,5% na Grande São Paulo. No total, são 29.510 pacientes internados. Embora o número se mantenha elevado, é equivalente ao balanço de ontem, indicando estabilidade na demanda hospitalar.

Segundo a secretaria, entre os 29,5 mil internados, 12.963 estão em leitos de terapia intensiva e 16.547 em enfermaria. Em ambos os tipos de leitos houve queda: o patamar em UTIs esteve acima de 13 mil pacientes entre os dias 1º e 4 de abril. Além disso, entre os dias 23 de março e 3 de abril, os dados apontavam mais de 18 mil pessoas em leitos clínicos, número que começou a cair ainda ontem.

Durante toda a pandemia, já houve 2.532.047 casos confirmados de covid-19, com 77.165 vítimas fatais da doença. Entre o total de infectados, 2.184.195 já estão recuperados, incluindo 257.178 pessoas que estiveram internadas e receberam alta hospitalar.

Hospitais com 100% de ocupação

-Hospital Regional de Cotia

-Hospital Regional de Ferraz de Vasconcellos

-Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos

-Hospital Geral de Guarulhos

-Hospital Geral de Itapevi

-Hospital Geral de Itaquaquecetuba

-Hospital das Clinicas Luzia de Pinho Mello

-Hospital Estadual DR. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti

-Hospital Regional de Osasco

-Hospital Estadual Mário Covas de Santo André

-Hospital Geral de Pedreira

-Hospital Estadual Vila Alpina

-Hospital Ipiranga

-Conjunto Hospitalar do Mandaqui

-Hospital Geral do Graú

-Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia

-Hospital Estadual de Sapopemba de São Paulo

-Hospital Local de Sapopemba

-Hospital Geral de Pirajussara

-Hospital Estadual de Bauru

-Hospital das Clinicas de Botucatu

-Hospital Estadual de Sumaré

-Hospital Regional de Piracicaba

-Hospital Estadual Serrana

-Conjunto Hospitalar de Sorocaba

Fase emergencial em São Paulo

O estado está atualmente na fase emergencial do Plano São Paulo. Nela, todos os serviços não essenciais ficam fechados e há uma espécie de toque de recolher a partir das 20h.

O coordenador-executivo do Centro de Contingência do Coronavírus de São Paulo, João Gabbardo, disse hoje que a tendência é de que não haja flexibilização das medidas de restrição impostas para combater a pandemia da covid-19 no estado.

Em entrevista ao "Bom Dia São Paulo", da TV Globo, Gabbardo falou sobre a redução no número de internados por complicações da doença causada pelo novo coronavírus, assim como o número de casos, mas destacou que o estado ainda passa pela pior fase da pandemia, com número de óbitos elevado.

Saúde