PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
15 dias

Governo do Ceará aciona STF pedindo que Anvisa libere doses da Sputnik V

Camilo Santana anunciou ação no STF nesta segunda-feira - Divulgação/Facebook Camilo Santana
Camilo Santana anunciou ação no STF nesta segunda-feira Imagem: Divulgação/Facebook Camilo Santana

*Colaboração para o UOL

12/04/2021 11h58

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT) afirmou na manhã de hoje que o estado acionou o STF (Supremo Tribunal Federal) para que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorize a liberação de 5,87 milhões de doses da vacina Sputnik V, desenvolvida pela Rússia contra a covid-19 e comprada de forma direta pelo estado nordestino com o Fundo Soberano Russo.

"A Sputnik V já é utilizada em cerca de 60 países, com eficácia de 91,6%. Iremos a todas as instâncias possíveis para que as vacinas que adquirimos cheguem o mais rápido possível para imunizar nossa população", afirmou o governador em publicação nas redes sociais. Até o momento, o imunizante russo não tem autorização de uso emergencial no país.

A ação foi movida pelo governo cearense um dia após a Anvisa cobrar ao Ministério da Saúde da Rússia o envio de um relatório técnico da vacina, documento que não teria sido enviado junto ao Certificado de Registro do Imunizante e é essencial para a autorização do uso. Na última sexta-feira, o governo do Maranhão também acionou o STF pedindo a autorização da importação da vacina para o estado.

Saúde