PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Festa clandestina com 133 pessoas é interrompida na Zona Sul de São Paulo

Frequentadores de festa clandestina em bar do Capão Redondo  - Divulgação/Secretaria de Segurança de São Paulo
Frequentadores de festa clandestina em bar do Capão Redondo Imagem: Divulgação/Secretaria de Segurança de São Paulo

Colaboração para o UOL

12/04/2021 10h01Atualizada em 12/04/2021 14h20

Uma blitz das polícias Civil e Militar interrompeu uma festa clandestina com 133 pessoas em um bar no Capão Redondo, na Zona Sul da capital paulistana, na noite de ontem. De acordo com a Secretaria estadual de Segurança, os frequentadores estavam aglomerados no local, que fica na rua Augusto Cardoso.

Cinco pessoas foram autuadas e equipamento de som, instrumentos musicais e uma máquina de cartão foram apreendidos.

As 133 pessoas estavam desrespeitando o distanciamento social e não usavam equipamentos de proteção, como máscara.

Ainda segundo a Secretaria de Segurança, o estabelecimento também tinha narguilé, que é compartilhado por várias pessoas, e uma banda tocando música ao vivo.

Fiscalização interrompe festa clandestina em bar no Capão Redondo  - Divulgação/Secretaria de Segurança de São Paulo - Divulgação/Secretaria de Segurança de São Paulo
Fiscalização interrompe festa clandestina em bar no Capão Redondo
Imagem: Divulgação/Secretaria de Segurança de São Paulo

Todas as 133 pessoas foram identificadas e a maior parte liberada para evitar aglomerações.

Os detidos, a proprietária do bar, o responsável pela locação de narguilés e um DJ, foram levados para o DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania). Lá, eles foram autuados por infração de medida sanitária preventiva e um deles por desobediência e resistência, já que reagiu à ação. Todos assinaram um termo circunstanciado, que foi encaminhado ao Juizado Especial Criminal.

A ação aconteceu no âmbito da blitz criada pelo governo do estado para reforçar a fiscalização do cumprimento das medidas restritivas contra a covid-19.

Cotidiano