PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
2 meses

Após reportagem do UOL, Cabo Frio veta evento-teste sem aval dos Bombeiros

Evento-teste Cavalgada 7 de Setembro, em Cabo Frio (RJ) - Reprodução/Instagram
Evento-teste Cavalgada 7 de Setembro, em Cabo Frio (RJ) Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo*

06/09/2021 18h10

A prefeitura da cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos do estado do Rio, proibiu a realização da "Cavalgada de 7 de Setembro" que estava previsto para amanhã (7). O UOL revelou hoje que a cidade havia liberado o evento-teste, com a presença de público, mas sem a autorização do Corpo de Bombeiros, testes de covid-19 ou a apresentação de comprovante de vacinação.

"A Prefeitura de Cabo Frio informa que o evento particular 'Cavalgada de 7 de Setembro', previsto para ocorrer nesta terça-feira (7), foi embargado pela administração municipal por não atender às exigências previstas no Termo de Autorização de Uso", informou a prefeitura por meio de nota.

"De acordo com a Procuradoria-Geral do Município, nesta segunda-feira (6), o organizador do evento não apresentou o laudo técnico de segurança emitido pelo Corpo de Bombeiros e o contrato com empresa de segurança certificada pela Polícia Federal, entre outros documentos que foram exigidos na autorização anteriormente concedida. Desta forma, o evento foi proibido pela Prefeitura de ocorrer na data solicitada", diz o comunicado do município.

Anunciada em redes sociais, a "Cavalgada 7 de Setembro" ocorreria no Parque de Exposições de Tamoios, na Fazenda Campos Novos, que, desde a década de 1990, é uma área pública do próprio município. A atração principal contava com shows de artistas sertanejos.

O UOL localizou no sistema de processos eletrônicos do governo do estado do Rio um ofício da última sexta (3) em que o comandante do Corpo de Bombeiros de Cabo Frio, tenente-coronel José Carlos Fernandes Torres, afirma que a corporação não recebeu qualquer pedido de autorização para o evento. As solicitações precisam ser realizadas, no mínimo, com dez dias de antecedência.

Por questões de segurança, como avaliação de saídas de emergência e de medidas de prevenção a incêndio, é necessária a autorização da corporação. Também não havia previsão de realização de testes de covid-19, nem da necessidade de apresentação de comprovante de vacinação, embora a prefeitura classificasse o evento como "teste".

Um ponto nebuloso era em relação à capacidade de público: o decreto estabelece um limite de mil pessoas. Mas imagens de ingressos publicadas em redes sociais mostram numeração nas entradas acima de 1.200.

Divulgação de ingressos do evento Cavalgada 7 de Setembro - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Divulgação de ingressos do evento Cavalgada 7 de Setembro
Imagem: Reprodução/Instagram

Ingressos a R$ 20

No Facebook e no Instagram, a "Cavalgada 7 de Setembro" está sendo divulgada com ingressos a R$ 20. Os anúncios falam ainda que não será permitida a entrada de pessoas com bebida ou comida. Ou seja, o consumo ficará limitado ao que for vendido pela organização.

A prefeitura de Cabo Frio havia afirmado mais cedo que autorizou "a realização do evento mediante exigências para a empresa responsável, como o uso obrigatório de máscara para todas as pessoas e distanciamento entre os presentes".

O difícil, porém, é saber quem é o responsável.

O UOL entrou em contato por mensagem com um número de WhatsApp que consta na página do Instagram "Império Country", que estaria à frente da cavalgada. O representante se apresenta na rede social como Ângelo Tarick.

Foi encaminhada por ele à reportagem uma cópia do decreto de autorização da prefeitura, que não especifica quem é o responsável pelo evento.

Ao ser perguntado, ele afirmou que a assessoria entraria em contato. Passados cerca de 15 minutos, foi encaminhada uma mensagem com a seguinte nota:

"Pelo fato de ser um evento de pequeno porte, estou realizando em [meu] nome mesmo, pessoa física. Penso e tenho fé que no próximo ano [2022] poderei realizar um grande evento com a marca da minha empresa, para um público grande, com atrações a nível nacional e fazendo uma grande mídia. Mais (sic) essa edição 2021, estou tomando muito cuidado, devido ao covid-19, irei colocar na entrada do evento uma equipe da área da saúde, distribuindo máscaras e álcool gel para todos os convidados e participantes do evento".

Questionado novamente então sobre qual seria o nome da "pessoa física" responsável pelo evento, o representante não respondeu.

Além de ser uma área pública do município, a Fazenda Campos Novos, onde acontecerá a cavalgada, possui um conjunto arquitetônico formado por Casa Grande, Igreja de Santo Inácio e Cemitério, que é tombado desde 2003 pelo Inepac (Instituto Estadual do Patrimônio Cultural).

A cidade de Cabo Frio, por sua vez, é um dos principais destinos da Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Neste fim de semana, as praias da cidade estiveram lotadas. A ocupação de hotéis e pousadas está em 70%, limite máximo de capacidade pelas regras vigentes.

*Com Ruben Berta, Do UOL, no Rio

Saúde