Sobe para 122 o número de contaminados com Mers na Coreia do Sul

Em Seul

  • Ahn Young-joon/AP

    Funcionários passam solução desinfetante e anti-séptica em estação de metrô de Seul

    Funcionários passam solução desinfetante e anti-séptica em estação de metrô de Seul

As autoridades sul-coreanas anunciaram nesta quinta-feira (11) o registro de mais 14 casos do coronavírus Mers, incluindo uma grávida.

Com isso, chega a 122 o total de infectados por Mers no país, com nove mortes.

Desses 14 novos casos, oito sofreram contágio no Hospital Samsung, o maior centro médico do sul de Seul, onde 55 pessoas contraíram a doença.

Uma das vítimas do contágio hospitalar é uma mulher de 39 anos, que está terminando o último trimestre da gravidez.

"Dos 122 casos confirmados, este é o primeiro de uma grávida", relatou o Ministério sul-coreano da Saúde, acrescentando que o quadro da paciente é "estável".

O primeiro caso foi diagnosticado em 20 de maio, em um paciente que havia viajado para a Arábia Saudita. O homem de 68 anos propagou a doença, após visitar quatro centros médicos, onde infectou outros pacientes e profissionais de Saúde.

Desde então, quase 3.500 pessoas foram colocadas em quarentena.

O governo da Coreia do Sul recebeu críticas pelo gerenciamento da crise. O país foi o maior foco da epidemia depois da Arábia Saudita. Nesta quarta, a presidente sul-coreana, Park Geun-Hye, adiou sua viagem aos Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos