Atentado suicida deixa 16 mortos no nordeste da Síria

Beirute, 5 Jul 2016 (AFP) - Pelo menos 16 pessoas morreram, e 40 ficaram feridas, nesta terça-feira (5), em um atentado suicida em um bairro curdo da cidade de Hassaké, no nordeste da Síria - informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

De acordo com o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahmane, "16 pessoas morreram, e 40 ficaram feridas, algumas em estado grave, depois que um homem em uma moto se explodiu".

O indivíduo se detonou na frente de uma padaria, no bairro de maioria curda de Salihia, o qual é controlado pelas Unidades de Proteção do Povo Curdo (YPG, a principal força militar curda), relatou um policial curdo.

Esse atentado coincide com o fim do mês sagrado do Ramadã. A data é celebrada pelos muçulmanos nesta quarta-feira (6), com o Eid al-Fitr, a festa da quebra do jejum.

Um vídeo postado em uma página no Facebook mostra rastros de sangue no local do ataque e pedaços de pão espalhados pelo chão. Também se vê um corpo enrolado em um saco e colocado em um pequeno caminhão.

Nas redes sociais, militantes pediram aos moradores locais que doem sangue para os feridos.

Segundo o correspondente da AFP, há dois dias reina um clima tenso na cidade, depois dos confrontos entre militares e forças curdas.

Grande parte da província de Hassaké é controlada pelas forças curdas, que estabeleceram ali uma "administração autônoma". Já o controle da cidade é dividido entre os curdos e o governo sírio.

str-lar/nbz/bpe/tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos