Islamitas sul-africanos planejavam atentar contra embaixada dos EUA e entidades judaicas

Joanesburgo, 11 Jul 2016 (AFP) - Dois irmãos gêmeos sul-africanos islamitas, presos por atividades terroristas no fim de semana na África do Sul, planejavam explodir a embaixada dos Estados Unidos em Pretória e instituições judaicas, informou a polícia.

Brandon-Lee e Tony-Lee Thulsie, 23 anos, são suspeitos de ter tentado colocar bombas na embaixada dos Estados Unidos e em estabelecimentos judeus do país", declarou à AFP Hangwani Mulaudzi, porta-voz da unidade de elite da polícia sul-africana de Hawks.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos