Inundações deixam mais de 200 mortos na China

Em Pequim

Quatro funcionários administrativos chineses foram demitidos acusados de negligência durante as violentas inundações que deixaram mais de 200 mortos, além de pessoas desaparecidas, informou a mídia estatal neste domingo (24).

As chuvas torrenciais que caíram no norte do país esta semana deixaram cerca de 300 mil pessoas sem casa e outras milhares isoladas pelas águas.

As inundações na cidade de Xingtai, na província de Hebei, levaram à demissão de funcionários administrativos denunciados pelos moradores locais de tentar encobrir a gravidade da situação, o que teria levado à morte de ao menos 25 pessoas.

As inundações são comuns durante o versão no norte da China, mas as chuvas este ano foram violentas em todo o país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos