Drones americanos atingem líder da Al-Qaeda no Afeganistão

A bordo de avión militar estadounidense, 26 Out 2016 (AFP) - Um ataque de drones atingiu no domingo em alto dirigente da Al-Qaeda e seu principal assessor no norte do Afeganistão, revelou nesta quarta-feira um oficial dos Estados Unidos.

O ataque, na província de Kunar, atingiu Faruk al-Qatani, emir da Al-Qaeda para o nordeste do Afeganistão, e seu assessor Bilal al-Mutaybi, informou o oficial.

Os militares americanos acreditam que os dois morreram no ataque, mas ainda não há confirmação dos óbitos.

"Estamos bastante confiantes", disse o oficial, que pediu para não ser identificado.

O Pentágono perseguiu Qahtani durante anos. Em 2012, outro ataque contra o emir foi cancelado no último momento diante do risco de ocorrer vítimas civis.

Qahtani e seu assessor foram atingidos na localidade de Hilgal, em Kunar, distrito de Ghazi Abad, segundo membros do Pentágono. Os dois estavam em prédios separados por centenas de metros, mas o ataque ocorreu quase simultaneamente, com vários drones.

O porta-voz provincial Abdul Ghani Mosamem disse à AFP que ao menos 15 rebeldes morreram no ataque, incluindo árabes e vários combatentes talibãs paquistaneses.

Um oficial de inteligência afegão da província confirmou que dois árabes morreram no ataque.

Qahtani e Mutaybi eram conhecidos comandantes da Al-Qaeda em Kunar e estavam envolvidos no recrutamento de jovens para o grupo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos