Operação Lava Jato

Maduro promete terminar obras da Odebrecht na Venezuela

  • Marivaldo Oliveira/Código 19/Folhapress

Caracas, 5 Fev 2017 (AFP) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou neste domingo que irá terminar as obras iniciadas no país pela Odebrecht --muitas das quais, segundo a oposição, ficaram inacabadas antes mesmo do escândalo sobre o pagamento de propinas a funcionários estatais.

"Não é tecnologia espacial. Se me dizem que é um foguete o que temos que pôr ali, é difícil, (...) mas isso é ferro, cimento e trabalho, e isso nós venezuelanos sabemos fazer. Vamos terminar todas as obras que a Odebrecht tinha no país", disse Maduro em seu programa de televisão dominical.

O Parlamento venezuelano, de maioria opositora, aprovou na última quarta-feira a abertura de uma investigação sobre o suposto pagamento de subornos a funcionários do Estado por parte da construtora brasileira. O acordo foi votado na ausência dos parlamentares chavistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos