Atentado em terminal de ônibus em Jacarta mata um policial

Jacarta, 24 Mai 2017 (AFP) - Um suposto ataque suicida foi cometido nesta quarta-feira em um terminal de ônibus na capital indonésia Jacarta, matando pelo menos um policial, informou a polícia.

Cinco policiais também ficaram feridos no terminal de Kampung Melayu.

"Houveram duas explosões às 21h00" (11h00 de Brasília), indicou o chefe da polícia do leste de Jacarta, Andry Wibowo, à televisão MetroTV.

"Nós suspeitamos de um ataque suicida", declarou à emissora TVOne o vice-chefe da polícia nacional, identificado apenas como Syafruddin.

Ele acrescentou que o autor do ataque morreu, bem como um policial, e que cinco outros policiais ficaram feridos.

Imagens transmitidas pela televisão mostravam fumaça saindo do terminal, que foi isolado pela polícia, e muitos membros das forças de segurança evacuando as vítimas.

Uma testemunha no local, Sultan Muhammad Firdaus, disse à emissora de televisão Kompas TV ter ouvido duas explosões num intervalo de cerca de 10 minutos.

A Indonésia iniciou sua própria "guerra contra o terrorismo" após os atentados de Bali em 2002 (202 mortos, incluindo muitos estrangeiros). Desde então, as autoridades, lançaram uma grande ofensiva contra os extremistas islâmicos e enfraqueceram as redes mais perigosos, segundo especialistas.

Mas o grupo Estado Islâmico conseguiu mobilizar recentemente os extremistas indonésios. Em janeiro de 2016, atentados suicidas e ataques armados em Jacarta mataram quatro civis. Os quatro atacantes foram mortos no ataque reivindicado por EI, o primeiro desta escala na Indonésia desde 2009.

dsa-sr/tm/ib/fjb/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos