PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Congresso do Equador autoriza julgamento penal de vice-presidente

25/08/2017 18h52

Quito, 25 Ago 2017 (AFP) - O Congresso do Equador, de maioria governista, autorizou por unanimidade nesta sexta-feira (25) o início de um processo penal contra o vice-presidente, Jorge Glas, pelo caso de corrupção da construtora Odebrecht.

Com o voto de 128 deputados presentes (de um total de 137), a Assembleia Nacional retirou a imunidade do vice-presidente para que a Justiça comece a investigá-lo pelo crime de associação ilícita.

Internacional