PUBLICIDADE
Topo

Internacional

República Tcheca extradita para EUA hacker russo suspeito de ciberataques

30/03/2018 15h55

Praga, 30 Mar 2018 (AFP) - A República Tcheca extraditou para os Estados Unidos um cidadão russo detido em Praga em 2016 e suspeito, segundo Washington, de ter cometido ciberataques contra alvos americanos, anunciou na sexta-feira o ministério da Justiça tcheco.

O ministério "confirma a extradição do cidadão russo E. Nikulin para os Estados Unidos", indicou a porta-voz do ministério, Tereza Schejbalova, no Twitter.

A operação de extradição "foi realizada durante a noite", acrescentou sem dar mais detalhes.

Evgueni Nikulin, de 29 anos, foi extraditado na quinta-feira à noite, segundo a imprensa tcheca

Nikulin foi detido em Praga pela polícia tcheca e pelo FBI em outubro de 2016, depois de Washington ter acusado a Rússia de organizar vários ataques de informática para influenciar a campanha presidencial nos Estados Unidos.

jma/via/neo/pa/es/cc

LINKEDIN CORPORATION

Internacional