PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Japão destinará US$ 4,2 bilhões para reforçar escudo antimísseis

30/07/2018 11h15

Tóquio, 30 Jul 2018 (AFP) - O governo japonês anunciou nesta segunda-feira que destinará uma verba de 4,2 bilhões de dólares nos próximos 30 anos para instalar e operar o dispositivo terrestre de interceptação de mísseis projetado pelos Estados Unidos.

A iniciativa, anunciada pelo ministro da Defesa, Itsunori Onodera, pretende reforçar os sistemas de defesa do arquipélago, que acredita estar sob a ameaça direta da Coreia do Norte.

Tóquio pretende instalar o sistema 'Aegis Ashore' em dois locais, para cobrir o conjunto do país.

O grupo de defesa americano Lockheed Martin construirá os radares, explicou Onodera.

O valor total do projeto alcança 466 bilhões de ienes, segundo o ministério. Mas o orçamento não é definitivo e pode superar este valor.

Na área da defesa o Japão depende muito dos Estados Unidos, país que tem várias bases no arquipélago.

O primeiro-ministro nacionalista Shinzo Abe não descarta a possibilidade de revisar a Constituição japonesa para aumentar a margem de manobra das Forças de Autodefesa do país.

hih-anb/uh/neo/pa/age/fp

AEGIS GROUP

LOCKHEED MARTIN

Internacional