PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Almagro reconhece Guaidó como presidente encarregado da Venezuela

23/01/2019 17h08

Washington, 23 Jan 2019 (AFP) - O secretário-geral da Organização de Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, cumprimentou o chefe do Parlamento da Venezuela, Juan Guaidó, que se autoproclamou nesta quarta-feira (23) "presidente encarregado" do país para buscar uma saída de Nicolás Maduro do poder.

"Nossos cumprimentos a @jguaido como Presidente encarregado da #Venezuela. Tem todo o nosso reconhecimento para impulsionar o retorno do país à democracia", tuitou Almagro.

O líder do Parlamento de maioria opositora, de 35 anos, se autoproclamou "presidente encarregado" diante de milhares de seguidores em um protesto multitudinário, afirmando que vai assumir as competências do Executivo para "conseguir o cessar da usurpação, um governo de transição e ter eleições livres".

O segundo mandato do governo de Nicolás Maduro, iniciado em 10 de janeiro, após eleições consideradas fraudulentas pela oposição, não foi reconhecido por grande parte da comunidade internacional.

No dia em que Maduro assumiu o segundo mandato, a OEA aprovou uma resolução para declarar ilegítimo seu mandato e na quinta-feira, a organização tem prevista uma sessão extraordinária para analisar a situação no país.

A Venezuela está mergulhada em uma grave crise política e econômica, que obrigou 2,3 milhões de pessoas a deixar o país desde 2015, segundo a ONU.

A crise no país petroleiro provocou escassez de alimentos e medicamentos e, segundo o Fundo Monetário Internacional (FMI), a inflação em 2019 alcançará os 10.000.000%.

bur-an/yow/mvv

Internacional