PUBLICIDADE
Topo

Austrália vai fechar acessos ao estado de Victoria por novo foco de COVID-19

06/07/2020 06h24

Melbourne, 6 Jul 2020 (AFP) - Autoridades australianas anunciaram nesta segunda-feira a decisão de isolar o estado de Victoria, uma medida drástica medida para tentar conter um preocupante novo foco de casos de contaminação do novo coronavírus.

Pela primeira vez desde o início da pandemia, a fronteira entre os dois estados mais populosos da Austrália, Victoria e Nova Gales do Sul, será fechada a partir de meia-noite de terça-feira, anunciaram os dois governos.

Victoria, que tem mais de 6,6 milhões de habitantes, anunciou nesta segunda-feira um recorde de 127 novos casos, depois que o vírus se propagou por Melbourne, incluindo vários blocos de apartamentos.

O primeiro-ministro do estado de Victoria, Daniel Andrews, descreveu a decisão de fechar o estado como o "passo inteligente, o passo correto neste momento, dados os importantes desafios que enfrentamos para conter o vírus".

Os planos para reabrir a fronteira de Victoria com Nova Gales do Sul foram adiados.

Depois de semanas de flexibilização das restrições pelo vírus, Melbourne registrou um grande aumento da transmissão, o que levou as autoridades da saúde a isolar de maneira efetiva alguns bairros da cidade até o fim de julho.

Pelo menos 16 novos casos foram registrados em nove torres de apartamentos populares, onde 3.000 moradores foram mantidos em suas casas no sábado, na resposta mais estrita à COVID-19 na Austrália até o momento.

hr/arb/qan/ahg/lda/fp